Preâmbulo

Em caso de ameaça biológica, é necessário estabelecer sistemas de alerta precoce e ter capacidade de resposta atempada, de modo a garantir uma solução eficaz para os danos de saúde pública causados pela libertação acidental, ou deliberada, de agentes de bioterrorismo. O estabelecimento de uma rede de laboratórios de referência, proficientes no diagnóstico, por métodos acreditados, de agentes biológicos de alto risco, é crucial para confirmar ou descartar estas ameaças.

BSL-3

IB-BIOALERTNET é um projeto que visa a constituição de uma Rede Ibérica de Laboratórios de Alerta Biológica para troca de conhecimentos, ensaio de procedimentos, transferência de tecnologia, normalização e acreditação de métodos, com o objectivo de criar uma ferramenta eficaz para a resposta rápida e eficiente a ameaças biológicas. Uma grande mais valia deste projeto será, no futuro, o alargamento deste modelo de trabalho a outros Estados membros da UE.

Iberian network of laboratories of biological alert. Accreditation of methods for detection of highly pathogenic agents, IB-BIOALERTNET, é um projeto apoiado pelo Programa de Prevenção e Luta contra o Crime (ISEC) da Comissão Europeia (Direcção-Geral dos Assuntos Internos). Começou a 1 de setembro de 2013 e terá a duração de 24 meses.

Grant Agreement number – HOME/2012/ISEC/AG/CBRN/4000003810
ABAC number – 30-CE-0551893/00-44


 

Instituto de Salud Carlos III


Co-funded by the Prevention of and Fight against Crime Programme of European Union